Taxa de condomínio: quem paga?

A relação entre locador (dono do imóvel) e locatário (aquele que o aluga) é disciplinada pela Lei do Inquilinato.

PROPRIETÁRIO
Despesas extraordinárias, como reformas que interessem à estrutura integral do imóvel, pintura das fachadas, equipamento de segurança e de incêndio, de intercomunicação, de esporte e lazer, decoração das áreas comuns.

INQUILINO
Despesas ordinárias, como salários dos empregados do condomínio, consumo de água e esgoto, gás, luz das áreas comuns, pintura, limpeza, conservação das instalações e dependências de uso comum.

Fonte: Senado Federal
Editorial, 21.OUTUBRO.2019 | Postado em Notícias


  • 1
Exibindo 1 de 1